Edição 47

O livro da vez

Anjos do Pedaço

anjos_do_pedaco

Por Fabiana Barbosa
Autora: Sandra Saruê
Ilustrador: Marcelo Boffa
Editora: Melhoramentos

Anjos do Pedaço é um livro paradidático que aborda diversos problemas enfrentados atualmente. O texto da autora Sandra Saruê expõe desafios muito próximos da realidade da escola e da própria sociedade: violência, preconceito, acessibilidade, preservação do meio ambiente, cuidado com os animais.

No livro, a violência é tratada de forma muito séria, e a escolha foi por apontar especialmente algumas formas de violência juvenil. Ao mesmo tempo, a autora enfoca, com propriedade, uma alternativa viável para esse problema: o protagonismo juvenil. Fica clara a ideia de que uma saída para a violência é propor alternativas para que os jovens se sintam úteis e necessários à sociedade, direcionando suas ações para melhorar a vida de todos.

O preconceito aparece no texto por meio da caracterização das personagens: crianças de diferentes idades, idosos, garoto do assalto, etc. Assim, é possível tratar o assunto do preconceito contra a idade (pessoas mais novas e mais velhas) e contra a classe social (jovem assaltante que, depois, optou por ajudar as pessoas). Inclusive, percebe-se um cuidado na construção visual desses personagens: há bonitos, feios, idosos, jovens, negros, brancos, amarelos, etc.

A acessibilidade também é enfocada no texto. A obra expõe as dificuldades que pessoas mais idosas têm diante de espaços e atividades simples do cotidiano. Nesse caso, a autora procura levar o leitor ao lugar da personagem para perceber essas dificuldades.

A preservação do meio ambiente é outro assunto tratado no texto. Sandra Saruê optou por fazer com que o leitor perceba que ele também pode ajudar a melhorar o meio ambiente através dos cuidados com as plantas. E esses cuidados devem ser tomados com todos os ambientes em que existem plantas: “Horta, pomar, plantas, árvores, flores e um espaço maravilhoso para os cachorros e gatos que ela criava, todos bem-cuidados” (p. 20). O que nos leva a outro tema: os cuidados com os animais. Sabe-se que atualmente, principalmente nos grandes centros urbanos, há o impasse do que fazer com os animais que vivem nas ruas (cães e gatos). Inclusive, já existem campanhas em diversas cidades para adoção desses animais, mas o problema persiste. A autora expõe a questão e aponta a alternativa para que cada pessoa procure se sensibilizar diante dessa situação.

Quanto ao projeto gráfico do livro, fica claro que a opção foi pelas cores mais leves, havendo a predominância do branco, provavelmente para remeter o leitor ao subtítulo do livro: Uma grande aventura pela paz.

As especificações técnicas da obra (tamanho, tipo e gramatura do papel, impressão, etc.) são excelentes. Ao manusear o livro, é possível perceber que a editora optou pela qualidade do material.

Assim, a obra caracteriza-se por ser uma alternativa que abre um grande leque de temas a serem explorados com os leitores. É uma boa opção a ser trabalhada em sala de aula com estudantes a partir do 3º ano do Ensino Fundamental. Vivenciar as propostas apresentadas ao longo de todo o texto será uma divertida experiência com as crianças.

cubos