Edição 107

Projeto Pedagógico

Colégio Santa Clara de Assis Os biomas brasileiros e a importância da água na sua preservação

Prof. Docilo Silva
Prof. Eduardo Bruno
Prof. Geison Barbosa
Prof. Janailton Marinho
Prof. Marcelo Leite de Macêdo
Profa. Maria Sandra Arruda
Profa. Milane Marinho
Profa. Seliomar Camilo dos S. Silva

Caruaru – PE

Este projeto interdisciplinar, realizado junto às turmas do Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano, com a orientação dos professores, abordou o tema da Campanha da Fraternidade 2017 — Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida —, envolvendo as mais diferentes formas de expressão, como a produção de pesquisas, textos poéticos, apresentações teatrais, músicas, entre outras.

Justificativa

 

Em nosso país, atualmente, vem sendo discutido qual seria, de fato, o papel da escola. Em meio a isso, surgem projetos de mudança no Ensino Médio e de uma escola sem partido — seja lá o que isso queira dizer —, deixando de lado o cerne do problema da educação brasileira: como tornar significativo para a sociedade o que é trabalhado nas escolas. Nesse aspecto, seria preciso discutir com todos os agentes desse processo se a função da escola seria a de prover, simplesmente, o mercado de trabalho ou de buscar contribuir na formação de pessoas críticas e conscientes de seu papel na sociedade.

Com base nesta concepção de escola, o Colégio Santa Clara de Assis, através de seu corpo docente, procurou despertar os seus alunos para a importância de conhecer e de preservar os nossos biomas, evidenciando-se a questão do uso consciente da água, uma vez que a nossa região passa por uma das maiores estiagens da história.

Nesse sentido e entendendo que a ideia da fragmentação do conhecimento já não se concebe mais, buscou-se integrar os mais diferentes saberes e as diversas formas de expressá-los com o intuito de despertar a consciência crítica do nosso educando. Acreditamos que só assim podemos cumprir o papel da escola na formação de uma sociedade mais justa e menos desigual.

PÚBLICO-ALVO

 

Turmas do 6º ao 9º ano.

Objetivo geral

 

Fazer com que os alunos conheçam os biomas brasileiros e a importância da água na preservação destes.

Objetivos específicos (em relação aos alunos)

• Conhecer os diferentes biomas brasileiros, destacando-se os encontrados no Nordeste e associando-os, para isso, à reflexão trazida pelo tema da Campanha da Fraternidade 2017.

• Refletir sobre a necessidade de nos conscientizarmos da importância de adotar estratégias para a conservação dos biomas e, entre outras coisas, dos nossos recursos hídricos.42

• Reconhecer as consequências reais do desperdício dos recursos naturais e da poluição na degradação dos diversos biomas brasileiros.

• Pesquisar as causas que levam uma comunidade a desenvolver problemas sociais através do desperdício e da má conservação dos recursos hídricos disponíveis no bioma do qual ela faz parte.

• Construir gráficos a partir de dados estatísticos sobre o percentual dos recursos hídricos disponíveis, buscando, através deles, compreender a real necessidade de se economizar água.

• Produzir textos, como poemas, paródias e pequenas representações teatrais, inclusive com fantoches, e apresentar números musicais que envolvam ações e atitudes que alertem para a preservação do ambiente.

• Fazer com que os alunos se sintam como parte do bioma no qual estão inseridos, estimulando-os a se perceberem como seres integrantes da natureza.

• Compreender a inclusão nesse contexto como um processo que garante uma sociedade igualitária e justa, promovendo um convívio saudável entre todos os seres vivos.

METODOLOGIA

 

No Colégio Santa Clara de Assis, há quatro turmas do 6º ao 9º ano, cada uma com dois professores orientadores que atuam ao longo de todo o ano, e não apenas em atividades como esta.

Inicialmente, os professores predefiniram os subtemas e as possíveis formas de apresentação dos trabalhos. Levou-se em consideração, para se estabelecer o que e como seriam apresentados os resultados, o nível de cada turma.

No 6º e no 7º ano, entre outras coisas, foram explorados a produção de poemas, a apresentação de músicas e o teatro de fantoche. Às turmas do 8º e do 9º ano, destinaram-se a representação teatral, as apresentações musicais, a apresentação dos biomas brasileiros, a elaboração de gráficos estatísticos, entre outras coisas.

No dia 12 de abril, na quadra do colégio, após um lanche pascal, houve a culminância do projeto com a socialização daquilo que foi produzido pelos alunos de cada uma das turmas, sendo esta a última etapa do projeto.

CRONOGRAMA

 

O trabalho foi iniciado no mês de fevereiro, e a culminância se deu na quarta-feira da Semana Santa, dia 12 de abril.

Fevereiro

• 15/02/17 – Encontro de professores para discutir o tema e a elaboração do projeto.

• 22/02/17 – Apresentação da proposta do projeto aos alunos.

Março

• Produção de poemas.

• Escolha das músicas e dos textos a serem trabalhados.

• Ensaios e montagem de maquetes, gráficos, cartazes, etc.

Abril

• Exibição de vídeos relacionados aos biomas e à preservação da água.

• 12/04/17 – Lanche pascal e culminância do projeto.

AVALIAÇÃO

 

A avaliação proposta não buscou quantificar os resultados obtidos, mas promover a análise qualitativa dos alunos na construção e na socialização do que foi produzido. Compreendeu-se que se poderia valorizar mais as competências e as habilidades individuais e coletivas de expressão dos alunos ao não se estabelecer como parâmetro uma nota para a avaliação do desempenho de cada um deles.

Referências:

Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida.
https://www.youtube.com/watch?V=Qoc2ckalvto

Carta escrita no ano 2070.
https://www.youtube.com/watch?V=1UpVH-hjdo

Chaves em desenho animado – vamos cuidar da água.
https://www.youtube.com/watch?V=PRXx4ww1u-I

Amazônia – Roberto Carlos.
https://www.youtube.com/watchV=C1vEuiMpaAM

Planeta Água – Guilherme Arantes.
https://www.youtube.com/watch?V=OPwnAq2xMVg

AMABIS, José Mariano; MARTHO, Gilberto Rodrigues. Biologia em contexto. São Paulo: Moderna, 2013.

cubos