Edição 48

Ambiente-se

Dicas da Supernanny

supernanny

1. Escolha cuidadosamente a escola onde você irá matricular seus filhos.

2. Se não puder escolher o colégio que gostaria para seus filhos, vá até outro (que está dentro de suas possibilidades) e se informe sobre o método de ensino, a filosofia e a proposta educacional. Você pode se surpreender e ver que, além daquilo que conhece e sonha, outras opções se mostram, também, muito interessantes.

3. Escolha um colégio que esteja de acordo com seu ponto de vista sobre educação. É preciso que você conheça os métodos e confie nos profissionais que irão conviver com seus filhos. Se não concordar com uma educação rígida, não coloque seus filhos em uma escola com essas características. O mesmo vale para os colégios mais liberais. Para o bem das crianças, a escola deve ser uma extensão da casa.

4. Participe da vida escolar de seus filhos. Frequente as reuniões de pais e qualquer outro evento promovido pela escola. As crianças gostam de ver seus pais nesse ambiente.

5. Diariamente, pergunte a seus filhos sobre as atividades que eles realizaram na escola, mostrando-se interessado no cotidiano deles.

6. Elogie cada acerto e boa nota que seus filhos trouxerem da escola. Lembre-se de que eles são crianças, e, como tal, gostam de ver seu esforço e seus trabalhos reconhecidos pelos pais.

7. Não critique os resultados negativos. Estimule seus filhos a continuarem tentando e se esforçando cada vez mais para melhorar o desempenho. Há poder em suas palavras, e tudo o que diz, certamente, afetará o desenvolvimento deles. Portanto, seja positivo!

8. Se houver algum problema com o(a) professor(a) ou um colega, não tome uma atitude defensiva de seus filhos sem saber exatamente o que houve. Dê um voto de confiança para a escola, pois ela também é responsável pela educação das crianças.

9. Sempre que tiver qualquer dúvida, vá até o colégio, converse com o(a) professor(a) ou o(a) diretor(a) e a esclareça antes de tomar uma atitude ou dar a sua opinião. A avaliação sobre a situação de seus filhos para com a escola é muito importante e precisa ser feita de maneira consciente.

10. A responsabilidade da educação dos filhos é dos pais, sendo compartilhada com os(as) professores(as), já que as crianças passam várias horas na escola. Assim, não delegue todas as tarefas para a instituição. Escola e família precisam trabalhar juntas para o bem dos pequenos.

11. Envolva seus filhos nas tarefas do lar: pôr a mesa, cozinhar (quando eles já tiverem idade para isso), limpar a casa com minirrodos e minivassouras, etc. Você verá como eles ficarão calmos e felizes!

12. Se tiver de ir ao supermercado com as crianças, faça uma listinha de alguns produtos que elas podem escolher e deixe que os coloquem em um carrinho separado. Com isso, você conseguirá comprar sossegado.

13. É difícil ir com seus filhos ao shopping, ao restaurante ou às compras? A solução, ao contrário do que muitos pais pensam, não é deixar de sair com eles, mas, sim, acostumá-los a frequentar esses lugares, obedecendo a algumas regras de comportamento.

14. Organize o tempo dedicado às atividades extracurriculares para não sobrecarregar seus filhos e permitir que eles consigam brincar.

15. Cada criança é única. Descubra os talentos de seus filhos e estimule o desenvolvimento de cada um deles. Ofereça-lhes a oportunidade de praticarem esportes, por exemplo.

16. Para as crianças na faixa dos 6 aos 10 anos, o “cantinho da disciplina” pode ser chamado de “área de reflexão”, que segue o mesmo princípio.

17. O convívio com outras crianças é muito importante. Permita que seus filhos visitem seus amigos e, até mesmo, durmam na casa deles. E convide-os também para brincar e dormir na sua casa.

18. A educação dos filhos é responsabilidade dos pais. Não tenha medo de colocar limites com amor para que eles se sintam seguros e queridos.

19. Não supervalorize as atitudes de seus pimpolhos. Eles têm de fazer coisas de criança para poder crescer sadios e se tornar adultos maduros, responsáveis e felizes. 20. Não espere demais para colocar as crianças na escola. Quanto mais cedo, melhor.

21. Estabeleça um limite para o sono, com hora certa de dormir e de acordar.

22. Não transforme seus filhos em pequenos executivos. Reserve tempo para eles brincarem.

23. Faça com que os pequenos pratiquem alguma atividade física.

24. O desenvolvimento infantil está ligado a um vínculo emocional com as pessoas que convivem com a criança. Reserve um tempo de qualidade para brincar e conversar com seus filhos.

25. Garanta um ambiente saudável, afetivo e estimulante dentro de casa.

26. Aprenda a se relacionar com seus filhos para saber como agir com eles.

27. Ofereça às crianças um cardápio equilibrado e saudável e fiscalize o que comem além das refeições.

28. Eduque seus pequenos para desenvolverem, com autonomia, as atividades do dia a dia. Assim, você estará preparando-os para serem adultos maduros, independentes e felizes.

Fonte: Supernanny Online. Ano 1 – números 6 e 8.

cubos