Edição 41

Projeto Didático

Folclore do Meu Brasil

Colégio Nossa Senhora de Fátima

Justificativa

Uma das modalidades de orientação didática é o trabalho por meio de projetos. Cada equipe de trabalho pode eleger projetos a serem desenvolvidos em caráter interdisciplinar.

O projeto tem um desenvolvimento muito particular, uma vez que envolve o trabalho com diversos conteúdos organizados em torno de uma produção determinada. Ele se caracteriza por ser uma proposta que favorece a aprendizagem significativa, porque a estrutura de funcionamento cria muita motivação nos alunos e oportunidades de trabalho com autonomia.

O Projeto Folclore do Meu Brasil também faz parte do mundo literário, já que inspirações do romantismo e de muitas correntes do modernismo são tiradas do folclore.

Nosso folclore também é uma fonte inesgotável para a construção de monumentos, decorações de jardins, parques… É ainda de valor integral na cultura, merecendo ser estudado e aproveitado sob todos os aspectos: intelectuais, artísticos, educacionais, recreativos, técnicos. Assim, o folclore favorece a aprendizagem e facilita o trabalho interdisciplinar.

Por meio do estudo do folclore, podem-se formar bons hábitos e atitudes, despertar sentimentos de emoção, entusiasmo e amor pelas coisas de nossa terra.

Com esse projeto, pretendemos que os alunos conheçam um pouco mais dos aspectos característicos de nosso povo e aprendam a preservar as nossas tradições.

Objetivo geral do projeto

Perceber que, no Brasil, as fontes do folclore são de três correntes étnicas: o português, o indígena e o negro — que, com a transmissão oral ou por ensinamentos práticos de pais para filhos, definiram esse conjunto detradições, conhecimentos, crenças populares, lendas, músicas, danças, adivinhações, provérbios, superstições, brinquedos, jogos, poesias, artesanato e contos como o estudo da mentalidade popular e como a história não escrita de um povo — e também perceber o folclore como a ciência que cuida das tradições, dos usos e dos costumes dos povos.

Objetivos específicos

Ao final do projeto, o aluno deverá ser capaz de:

- Expressar-se oralmente com desenvoltura sobre diversos aspectos do folclore.
- Identificar-se como parte integrante da cultura popular.
- Apreciar diversos aspectos culturais do folclore e interessar-se pela conservação dos mesmos.
- Conscientizar-se da importância do folclore na vida de um povo.
- Reconhecer os principais aspectos folclóricos da região estudada.
- Participar de atividades folclóricas, reconhecendo e respeitando as diferenças culturais.
- Apreciar e valorizar danças do nosso folclore como expressões de cultura.
- Interpretar e perceber as intenções dos provérbios.
- Apreciar as brincadeiras infantis do folclore, evitando discriminações, atitudes de exclusão e de violência.
- Respeitar a diversidade de valores, crenças e comportamentos.
- Preservar o folclore como parte integrante da nossa cultura.
- Pesquisar e registrar as diversas manifestações culturais do folclore de cada região.
- Analisar e refletir sobre os tipos de linguagem empregados em cada região.
- Perceber as diferentes normas das variantes lingüísticas.
- Identificar o uso da linguagem formal e informal.
- Divulgar as mensagens dos provérbios na escola.
- Ler e refletir coletivamente sobre a mensagem dos provérbios.
- Inferir o sentido de uma palavra a partir do contexto.
- Trocar idéias e respeitar a percepção do outro.
- Emitir opiniões sobre as lendas do nosso folclore e sobre personagens mitológicas.
- Confeccionar murais e cartazes, despertando a importância do folclore de cada região.

Procedimentos metodológicos

- Pesquisas sobre as manifestações culturais do folclore de cada região.
- Leituras de diferentes lendas, receitas de comidas típicas e textos informativos sobre aspectos físicos e culturais da região em estudo.
- Socialização dos entendimentos sobre as pesquisas realizadas.
- Montagem de murais.
- Confecção de maquetes e cartazes.
- Produções textuais como recontos.
- Músicas relacionadas ao folclore de cada região.
- Dramatizações de lendas.
- Apresentações de danças regionais na culminância.
- Trabalhos de arte.
- Atividades escritas fotocopiadas em cadernos, livros e atividades orais.
- Desenhos.
- Filmes.
- Brincadeiras com adivinhações.
- Confecção de panfletos informativos.
- Divulgação de receitas.
- Exposição dos trabalhos na culminância.
- Trabalhos artesanais com argila.
- Jogos e brincadeiras infantis.
- Apresentação de cantigas de roda como brincadeiras infantis na culminância.

Avaliação

Os alunos serão avaliados quantitativa e qualitativamente sob diversos aspectos, como:

Em produções escritas.

Na confecção de álbuns, murais e cartazes.

Nas pesquisas realizadas.

Nas apresentações.

No cumprimento das atividades solicitadas.

No interesse, na participação e na responsabilidade com os trabalhos.

Em auto-avaliação.

Em trabalhos manuais com argila.

Nos aspectos criativos no decorrer de todo o trabalho.

Considerações finais

O Ensino Fundamental permite que as áreas se incorporem umas às outras e que o aluno possa ser o principal agente das relações entre as diversas disciplinas se nós, educadores, estivermos abertos para as relações que ele faz por si. Os projetos devem buscar nexos na seleção dos conteúdos por série, enquanto as relações entre os distintos conhecimentos são realizadas pelo aluno. Cabe à escola dar-lhe essa oportunidade.

O Projeto Folclore do Meu Brasil tem como objetivo e meta principais proporcionar e contribuir para a relação interdisciplinar, envolvendo ações de conhecimentos interligados e permitindo o trabalho com os conteúdos necessários a serem abordados em cada grau de escolaridade.

Assim, esperamos estar contribuindo, de forma relevante, para que profundas e imprescindíveis transformações, há muito desejadas, se façam no nosso panorama educacional e posicionem o professor como o principal agente nessa grande batalha que é o processo de formação do povo brasileiro.

Séries Atendidas: 1ª a 4ª séries

Duração: um mês

Temas Desenvolvidos por Série:
1ª série: Região Nordeste
2ª série: Região Sul
3ª série: Região Centro-Oeste
4ª série: Turmas A e B – Região Norte
Turmas C e D – Região Sudeste

cubos