Edição 81

Mensagem Final

Quando a responsabilidade é dividida, ninguém responde por nada

Era uma vez quatro pessoas que tinham os seguintes nomes: Todo Mundo, Alguém, Qualquer Um e Ninguém. Havia um importante trabalho a ser feito, e Todo Mundo acreditava que Alguém é que iria executá-lo.

Qualquer Um poderia fazê-lo, mas Ninguém o fez. Alguém ficou aborrecido com isso, porque entendia que a execução do trabalho era responsabilidade de Todo Mundo. Todo Mundo pensou que Qualquer Um poderia executá-lo, mas Ninguém imaginou que Todo Mundo não o faria.

Todo Mundo culpou Alguém quando Ninguém fez o que Qualquer Um poderia ter feito!

Responsabilidade dividida, ou não bem definida, gera insatisfações e ineficiência no trabalho.

RANGEL, Alexandre. O que Podemos Aprender com os Gansos. São Paulo: Original.

cubos