Edição 133

Projeto Didático

Projeto: Arte e Sustentabilidade

Zodjane Felix Guimarães

Colégio Integral – Jaboatão dos Guararapes/PE

Introdução

Imagens: Yuliia, nurofina / stock.adobe.com

Nas artes visuais, é de suma importância o professor saber fazer a leitura da imagem, não só apenas como o domínio de um conteúdo, mas também uma forma de conscientizar e despertar nos discentes essa importância, aliada à interdisciplinaridade com as matérias formais. O projeto é orientado pelos pilares da tríade Ler, Apreciar e Fazer, que não podem ser distanciados, e sim devem ser interligados e aplicados nas artes visuais. Fazer arte desenvolve a criação de imagens expressivas, e os alunos se conscientizam de suas capacidades de elaborar imagens.

O papel do professor é contextualizar as imagens para o aluno, objetivando que ele faça a observação do que está vendo: a mistura de sua vivência pessoal e do que o autor da figura, do desenho, da foto ou da pintura quer passar para quem vai apreciar o que está ao alcance de seus olhos, assim como fazer um paralelo interdisciplinar com as matérias formais.

O projeto da disciplina História da Arte, do Ensino Fundamental II, do Colégio Integral surgiu da ideia de despertar a consciência ambiental, ou seja, reduzir o desperdício de materiais recicláveis que iam para o lixo residencial, aliando-se, ao mesmo tempo, à arte.

Justificativa

A proposta do projeto é destacar o quão importante é o nosso papel como cidadão na sociedade e, concomitantemente, estudar a vida e obra de variados artistas de movimentos artísticos diferentes, entendendo, assim, a importância do contexto que cada artista vivenciou e colocou em suas obras, como sentimentos e vivências do seu dia a dia.

Público-alvo

Alunos do 6o ao 8o ano (Ensino Fundamental II).

Objetivos gerais

Promover a consciência ambiental dos alunos, assim como a dos seus pais, salientando o valor dos materiais recicláveis que iam para o lixo e transformando-os em algo a ser usado nas nossas aulas de Arte.

Objetivos específicos

• Desenvolver a interdisciplinaridade.

• Despertar para a consciência ambiental.

• Envolver a comunidade escolar e os pais.

• Valorizar os materiais recicláveis, mostrando a importância dos alunos na transformação.

• Valorizar cada artista no seu contexto histórico.

• Respeitar cada movimento artístico estudado.

Desenvolvimento

 

Em meados de abril, começamos o projeto, que foi dividido em três partes. Na primeira, é necessário que o aluno conheça tipos de material reciclável que possam ser usados nas obras de arte e o tempo que cada um leva para se decompor. Na segunda, é a hora de juntar os materiais recicláveis da sua residência e trazer para a escola; nessa parte, damos ênfase às embalagens de remédios que iriam para o lixo, como também tampinhas de garrafas. Foram colocados depósitos para cada material reciclável, que ficarão todo o ano letivo no colégio para que outros professores possam usar em seus projetos. A terceira parte é a fabricação das obras de arte e a exposição das produções.

O trabalho foi exposto no colégio para a comunidade acadêmica, as famílias e os funcionários, com o objetivo de que todos percebessem a importância da reciclagem para o meio ambiente, como também aliassem a sustentabilidade à arte. Assim, mostramos que pequenas atitudes no nosso dia a dia podem ajudar o meio ambiente, que está constantemente em sinal de alerta.

Zodjane Felix Guimarães é bacharel e tem licenciatura em Ciências Sociais e é Especialista em Artes Visuais.

E-mail: zodjane@gmail.com

cubos